sexta-feira, agosto 25, 2017

Jogo Perdido



JULIO DE SOUSA

Lisboa, s.d. [1956]
[ed. Autor ?]
1.ª edição
23,1 cm x 16,5 cm
128 págs. (não numeradas)
miolo impresso a azul ultramarino
exemplar estimado, defeitos na lombada; miolo irrepreensível, por abrir
VALORIZADO PELA DEDICATÓRIA MANUSCRITA DO AUTOR À POETISA MERÍCIA DE LEMOS
50,00 eur (IVA e portes incluídos)

Trata-se do primeiro livro de versos do escultor, pintor, cenógrafo, escritor e compositor de fados Júlio de Sousa (1906-1966). Esta última actividade, partilhada com a irmã, que foi fadista, levou-o a tornar-se proprietário de um estabelecimento na sinistra Rua da Barroca ao Bairro Alto (em Lisboa), onde declamava versos e expunha os seus quadros.

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089